Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

19 de agosto de 2016

Ministério da Cultura apresenta nova estrutura







Depois de lançar o Programa de Valorização do Servidor, o Ministério da Cultura apresenta sua nova estrutura organizacional, que garantirá eficiência à gestão e aproximará as ações do Ministério da Cultura das demandas da sociedade. O Ministério seguirá composto por seis Secretarias, dentre elas as novas Secretaria da Economia da Cultura e a Secretaria de Infraestrutura Cultural. As antigas Diretorias passam a formar Departamentos, em harmonia com a nomenclatura utilizada em outros Ministérios. Os Departamentos estão divididos em Coordenações-Gerais. Em alguns casos, as Coordenações-Gerais reportarão diretamente aos Secretários.
"Queremos um Ministério da Cultura que ofereça entregas concretas à sociedade. A nova estrutura busca resgatar a credibilidade do Ministério da Cultura e a dimensão simbólica da Cultura no coração dos brasileiros", ressalta o Ministro da Cultura, Marcelo Calero.
Sob o comando de Mariana Ribas, a Secretaria-Executiva (SE) contará com duas Subsecretarias: a Subsecretaria de Gestão Estratégica (SGE), responsável pela gestão de pessoas, tecnologia de comunicações e informação e planejamento estratégico do Ministério; e a Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração (SPOA), que segue com as atribuições de gestão interna, financeira e orçamentária.
A Secretaria da Economia da Cultura (SEC) mapeará a cadeia produtiva da cultura de forma ampla e abrangente e atuará em parceria com as outras secretarias e entidades vinculadas do Sistema MinC. Designado, o advogado Claudio Lins de Vasconcelos comandará a Secretaria da Economia da Cultura, que atuará em três frentes: estimulando a sustentabilidade de atividades tradicionais, de vanguarda e de experimentação de linguagem; incentivando o empreendedorismo cultural; e apoiando o desenvolvimento de estratégias para a indústria cultural de alta performance. No novo desenho do Ministério da Cultura, a Diretoria de Direitos Intelectuais, antes vinculada à Secretaria-Executiva, passa a ser um departamento da nova Secretaria. São ainda departamentos desta Secretaria o Departamento de Estratégia Produtiva e o Departamento de Sustentabilidade e Inovação. 
O Ministério da Cultura irá buscar parcerias com prefeituras e governos estaduais no sentido de apoiar melhorias e modernização de teatros, centros culturais, bibliotecas, museus e afins. Essa será a função principal da Secretaria de Infraestrutura Cultural (SEINFRA), que tem como secretária designada Orvalina Ornelas de Nascimento Silva, servidora de carreira do Ministério da Educação. Muito além do incentivo à fruição, equipamentos culturais em bom estado estimulam a produção cultural local, contribuindo para a democratização do acesso e do fazer. A garantia de acessibilidade será um dos focos dos programas desta Secretaria.
A Secretaria de Articulação Institucional passa a se chamar Secretaria de Articulação e Desenvolvimento Institucional (SADI), tendo à frente o diplomata de carreira Bruno Santos. Com a SADI, o Plano Nacional de Cultura e o Sistema Nacional de Cultura passam a ser geridos pela mesma Secretaria.  À Secretaria estará subordinado o Departamento de Promoção Internacional, com foco nos temas relacionados à divulgação da cultura brasileira no exterior.
Na nova estrutura, a Secretaria do Audiovisual (SAV), sob o comando do produtor Alfredo Bertini, passa a contar com a Coordenação-Geral de Novas Mídias, vinculada diretamente ao Secretário, que tratará dos temas relacionados aos novos formatos de produção, além do Departamento de Políticas Audiovisuais.
A Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural (SCDC), sob o comando da secretária designada Renata Bittencourt, recebeu novas atribuições. Para além de atuar no aprofundamento das políticas de territorialização da Cultura, por meio do Departamento da Diversidade Cultural, a SCDC incorpora o Departamento de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (DLLLB), que estava vinculado à Secretaria-Executiva. A mudança fortalece a área do livro e leitura, que terá maior integração e alcance. Passa a integrar a estrutura do Departamento da Diversidade Cultural a Coordenação-Geral de Cultura e Educação, que se ocupará dos temas relacionados à educação e cultura. Diretamente vinculada à Secretaria também estará a Coordenação-Geral de Acessibilidade e Inclusão, que traduz o compromisso da nova gestão do Ministério: o exercício dos direitos culturais em plenitude, sem limitações, seja na produção ou na fruição, de qualquer ordem.
Responsável pela gestão da Lei de Incentivo à Cultura, a Secretaria de Fomento e Incentivo à Cultura (SEFIC), sob o comando do administrador José Paulo Martins, passará a contar com dois departamentos: o Departamento de Mecanismos de Fomento, que ficará responsável pelo Fundo Nacional de Cultura e pelo Vale-Cultura; e o Departamento de Incentivo à Produção Cultural, que fará a gestão do Mecenato. 
Confira a lista completa das Secretarias, Departamentos e Coordenações-Gerais:
1.  Secretaria-Executiva - SE
1.1 Subsecretaria de Planejamento, Orçamento e Administração - SPOA:
a) Coordenação-Geral de Planejamento, Orçamento, Finanças e Contabilidade
b) Coordenação-Geral de Licitações, Contratos e Recursos Logísticos
c) Coordenação-Geral de Execução Orçamentária e Financeira
1.2 Subsecretaria de Gestão Estratégica - SGE
a) Coordenação-Geral de Gestão de Projetos Estratégicos
b) Coordenação-Geral de Modernização Organizacional
c) Coordenação-Geral de Estatísticas e Indicadores da Cultura
d) Coordenação-Geral de Gestão de Pessoas
e) Coordenação-Geral de Infraestrutura Tecnológica

2. Secretaria de Articulação e Desenvolvimento Institucional - SADI

a) Coordenação-Geral de Acompanhamento e Prestação de Contas
2.1. Departamento de Desenvolvimento Institucional:
a) Coordenação-Geral de Articulação e Mobilização
b) Coordenação-Geral do Sistema Nacional de Cultura
c) Coordenação-Geral do Plano Nacional de Cultura
d) Coordenação-Geral de Institucionalização
2.2. Departamento de Promoção Internacional:
a) Coordenação-Geral de Cooperação e Relações Internacionais
b) Coordenação-Geral de Promoção Internacional da Cultura Brasileira

3. Secretaria do Audiovisual - SAV

a) Coordenação-Geral de Novas Mídias
b) Coordenação-Geral de Acompanhamento e Prestação de Contas
3.1. Departamento de Políticas Audiovisuais:
a) Coordenação-Geral de Formulação e Intercâmbio de Programas e Projetos
b) Cinemateca Brasileira
c) Centro Técnico do Audiovisual

4. Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural - SCDC

a) Coordenação-Geral de Acompanhamento e Prestação de Contas
a) Coordenação-Geral de Acessibilidade e Inclusão
4.1. Departamento da Diversidade Cultural:
a) Coordenação-Geral de Mobilização
b) Coordenação-Geral de Promoção da Cidadania e da Diversidade Cultural
c) Coordenação-Geral de Cultura e Educação
4.2. Departamento de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas:
a) Coordenação-Geral de Leitura, Literatura e Economia do Livro
b) Coordenação-Geral do Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas

5. Secretaria da Economia da Cultura - SEC

a) Coordenação-Geral de Marcos Legais da Cultura
b) Coordenação-Geral de Acompanhamento e Prestação de Contas
5.1. Departamento de Sustentabilidade e Inovação:
a) Coordenação-Geral de Empreendedorismo e Sustentabilidade
b) Coordenação-Geral de Pesquisa e Novos Modelos
5.2. Departamento de Estratégia Produtiva:
a) Coordenação-Geral de Formação Técnica, Gestão e Produção
b) Coordenação-Geral de Desenvolvimento Setorial
5.3. Departamento de Direitos Intelectuais:
a) Coordenação-Geral de Regulação em Direitos Autorais
b) Coordenação-Geral de Difusão, Negociação e Acesso à Cultura

6. Secretaria de Fomento e Incentivo à Cultura - SEFIC

6.1. Departamento de Incentivo à Produção Cultural:
a) Coordenação-Geral de Admissibilidade e Aprovação
b) Coordenação-Geral de Execução e Fiscalização
c) Coordenação-Geral de Avaliação de Resultados
6.2. Departamento de Mecanismos de Fomento:
a) Coordenação-Geral do Fundo Nacional de Cultura
b) Coordenação-Geral do Programa de Cultura do Trabalhador

7. Secretaria de Infraestrutura Cultural - SEINFRA

a) Coordenação-Geral de Acompanhamento e Prestação de Contas
7.1. Departamento de Projetos de Infraestrutura Cultural:
a) Coordenação-Geral de Desenvolvimento de Projetos
b) Coordenação-Geral de Análise de Projetos
7.2. Departamento de Obras e Gestão de Equipamentos Culturais:
a) Coordenação-Geral de Monitoramento de Obras
b) Coordenação-Geral de Gestão de Equipamentos
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura