Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

17 de janeiro de 2014

Longa financiado pelo Fumproarte estará no Festival de Berlim

Pela primeira vez na história um longa-metragem gaúcho foi selecionado para o 64º Festival de Berlim. Financiado pelo Fumproarte, o fundo da Prefeitura de Porto Alegre de apoio à produção artística, Castanha é um documentário que mistura realidade e ficção para narrar as histórias do ator e performer porto-alegrense João Carlos Castanha. Trata-se da estreia do Davi Pretto, 25 anos, no formato longa-metragem do diretor Davi Pretto. É também o primeiro longa da Tokyo Filmes, produtora que Davi mantém com Bruno Carboni, Richard Tavares e Paola Wink, respectivamente montador, diretor de arte e produtora-executiva do filme. A Casa de Cinema de Porto Alegre é produtora associada neste longa.
 
O Festival de Berlim, de  6 a 16 de fevereiro, é um dos três mais importantes festivais de cinema do mundo, ao lado de Cannes e Veneza. Castanha foi selecionado para a prestigiada seção Fórum, que privilegia produções independentes com conteúdo artístico fora do convencional . Para a disputa do prêmio máximo do festival alemão, o Urso de Ouro, está o filme nacional ‘Praia do Futuro’, dirigido por Karim Aïnouz (‘O Abismo Prateado’) e estrelado por Wagner Moura. O festival traz outros dois longas brasileiros na mostra Panorama. São eles O Homem das Multidões, de Marcelo Gomes e Cao Guimarães, e Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, dirigido por Daniel Ribeiro.
 
Descrição - João é um experiente ator de 52 anos com um passado repleto de histórias, que vive com sua mãe Celina e trabalha à noite como transformista em pequenos bares. Ele divide-se em peças de teatro, filmes, shows e amores secretos. Dia após dia, João passa a confundir cada vez mais a realidade que vive com a ficção que interpreta. 
 
Ficha técnica:
 
Roteiro e Direção: Davi Pretto
História: Davi Pretto e João Carlos Castanha
Produção: Paola Wink
Produtora: Tokyo Filmes
Produtora Associada: Casa de Cinema de Porto Alegre
Direção de Fotografia: Glauco Firpo
Direção de Arte: Richard Tavares
Montagem: Bruno Carboni
Desenho de som: Tiago Bello
Som Direto: Marcos Lopes
Música: Diego Poloni
Still/making of: Pedro Cupertino
Assistente de Produção e direção: Isadora Victora
Assistente de Edição: Gabriel Pessoto