Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

8 de fevereiro de 2015

Carnaval de Rua reúne 30 mil pessoas, e folia continua hoje

Foto:
Galo de Porto puxou foliões com dois trios elétricos Galo de Porto puxou foliões com dois trios elétricos
Foto: Ricardo Giusti/PMPA
Vice-prefeito Sebastião Melo saudou os foliões
Vice-prefeito Sebastião Melo saudou os foliões
Cerca de 30 mil pessoas estavam na rua General Lima e Silva na noite deste sábado, 7, quando se encerraram as apresentações dos blocos Galo de Porto e Deixa Falar. O som dos trios elétricos foi desligado às 21h em ponto. Durante cinco horas, os foliões foram animados pelos músicos. O comandante da 2ª Companhia do 9º BPM, capitão Fernando Maciel, anunciou que não houve ocorrências policias no quarto dia de Carnaval de Rua de Porto Alegre, a exemplo do que ocorreu nos três primeiros. (fotos)

A folia continua neste domingo, 8, com o bloco Areal do Futuro. A turma se concentra na rua João Alfredo, próximo à rua Joaquim Nabuco, às 16h. A partir das 18h, segue pela João Alfredo até a rua da República e se encaminha até a Praça Isabel, a Católica, onde ocorrerá a dispersão, às 21h.
 
O vice-prefeito Sebastião Melo compareceu à concentração dos dois blocos e sambou no trio elétrico do Galo de Porto, acompanhado do secretário municipal de Governança Local, Cezar Busatto. Para Melo, o sucesso do carnaval de rua está no espírito de colaboração e de troca entre Prefeitura de Porto Alegre, Brigada Militar, Polícia Civil, Ministério Público Estadual do Rio Grande do Sul, moradores, blocos e comerciantes. “O governo precisa ouvir e agir”, destacou o vice-prefeito. “Isso é governança.”
 
Busatto parabenizou as equipes envolvidas no evento pela “belíssima e excepcional” festa. “Esse é o verdadeiro carnaval do povo renascendo em Porto Alegre”, acrescentou.
 
O Galo de Porto usou dois trios elétricos para puxar os foliões. O principal foi animado pela Orquestra Atômica. O outro, pelo grupo Tarcisio Meira's Band. O percurso começou na rua Joaquim Nabuco e seguiu pela rua General Lima e Silva até a rua Sarmento Leite. Dos palcos, ouvia-se frevo, samba, MPB, rock e pop.
 
O bloco Deixa Falar apresentou-se na esquinas das ruas General Lima e Silva e República. Os músicos encantaram o público com muitas marchinhas.
 
Pouco depois da meia-noite, um grupo do Departamento Municipal de Limpeza Urbana (DMLU) começou a percorrer as vias onde ocorreram os desfiles. Atrás dos garis, um caminhão-pipa avançava, lavando as ruas com jatos de água.


/carnaval
Texto de: Adriano Santana
Edição de: Vanessa Oppelt Conte
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.