Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

3 de abril de 2013

Governança apresenta gerentes para aproximar governo e comunidade

Foto: Poti Campos/Divulgação PMPA
Cezar Busatto destacou fortalecimento da democracia participativa Cezar Busatto destacou fortalecimento da democracia participativa
Foto: Indaiá Dillenburg/Divulgação PMPA
Rodrigo Leal, Fernando Mello, e Gabriel Santos são os novos gerentes Rodrigo Leal, Fernando Mello, e Gabriel Santos são os novos gerentes
Com a presença do vice-prefeito, Sebastião Melo, o secretário de Governança Local, Cezar Busatto apresentou, em reunião ordinária do Conselho do Orçamento Participativo (COP), na noite de terça-feira, 2, os três novos gerentes que terão sob suas responsabilidades os eixos que unem o poder público e as comunidades de Porto Alegre. Essas gerências foram criadas na reforma administrativa sancionada pelo prefeito José Fortunati, em dezembro último, que também ampliou o número dos Centros Administrativos Regionais (CARs) de 12 para 17, um para cada região do OP, cujos gestores terão papel estratégico para a melhoria dos serviços oferecidos à prefeitura nas 17 regiões do Orçamento Participativo, além da tarefa de aproximar governo e comunidade.
Foram apresentados aos conselheiros o gerente dos CARs, Rodrigo Leal, o gerente de Excelência de Serviços, Fernando Mello, e o gerente de Democracia Participativa Local, Gabriel Santos, este último, responsável pelo OP. “Esta nova estrutura representa o compromisso de fortalecermos cada vez mais a democracia participativa na nossa cidade”, disse Busatto.
O vice-prefeito destacou que a reforma visa aproximar a prefeitura da cidade e melhorar o serviço. “Nosso compromisso de qualificação dos CARs para melhorar os serviços terá um contrato de gestão que será fiscalizado pelos fóruns de delegados do OP”. Melo disse ainda que a presença dos conselheiros na elaboração do contrato é fundamental.
DMLU – Passada a apresentação dos novos gerentes, o COP entrou na pauta da noite relativa às ações do Departamento Municipal de Limpeza Urbana. O diretor-geral André Carús apresentou as ações que estão sendo implementadas no departamento. Entre elas, o Projeto DMLU no bairro, realizado quinzenalmente que na sexta-feira, 5, fará a terceira edição no bairro Restinga. O diretor-geral disse ainda, que está sendo trabalhado o projeto de lei do novo código de limpeza urbana (o atual é de 1990) que terá entre outros fatores, o aumento do valor das multas e também a tipificação destas que vão de leve a gravíssimas.
Carús fez um apelo aos conselheiros para que levem em consideração o tema limpeza urbana no momento de elegerem suas prioridades regionais. “O acúmulo de lixo traz também problemas de saúde. Portanto não deixem de considerar a limpeza urbana. É um compromisso com a atual e futuras gerações”, enfatizou.



/orcamentoparticipativo
Texto de: Indaiá Dillenburg
Edição de: Manuel Petrik
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.