Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

21 de março de 2013

Livros inéditos de Lopes Neto serão lançados


via blog  ROGERIO BASTOS
 

Dois livros inéditos de João Simões Lopes Neto serão lançados nesta sexta-feira, dia 22, no Instituto. "Terra Gaúcha — Histórias de Infância" e "Artinha da Leitura" serão publicados pela editora Belas-Letras depois de mais de 100 anos dos manuscritos originais. A cerimônia de lançamento começa às 19h.

Livros inéditos ressurgem

As duas obras que ficaram por mais de um século perdidas foram recuperadas e agora, por meio de um trabalho coordenado pelo professor e escritor Luís Augusto Fischer, ganham a devida publicação. Escritos entre os anos de 1904 à 1907, os manuscritos desses livros foram encontrados por acaso e segundo Fischer, poderão "iluminar" a obra maior de Simões Lopes.

Para desenvolver o trabalho, o coordenador do projeto contou com a ajuda do autor da mais recente biografia de Simões Lopes Neto, o advogado Carlos Francisco Sica Diniz e do bibliófilo, membro do Instituto Histórico e Geográfico do RS e dono dos manuscritos, Fausto Domingues. As edições ainda contaram com esclarecedores textos dos professores Beatriz Loner e Pedro Garcez.

Para Carlos Francisco Sica Diniz, "tudo que vem dele (Simões Lopes Neto) é da maior relevância". Portanto, só por esse fato a publicação já deve ser considerada e celebrada, mas Diniz ainda ressalta que esses livros são uma importante mostra do pensamento progressista do autor pelotense, "comprovam a visão de largo alcance do escritor, sempre à frente de seu tempo", considera.

As obras

O livro Terra Gaúcha — Histórias da Infância, que foi escrito aos moldes de um livro de literatura, é protagonizado e narrado por um menino chamado Maio, que conta suas aventuras na estância da família e na escola. Nele, aparecem pela primeira vez as figuras do gaúcho na obra simoniana.

Foto de manuscrito de 'Terra Gaúcha'
Artinha da Leitura é uma espécie de cartilha idealizada por Simões Lopes Neto. Chegou a ser submetida ao Conselho de Instrução Pública do Rio Grande do Sul, em 1908 e foi rejeitado. Nessa época esse tipo de material didático era escasso e o número de pessoas alfabetizadas muito baixo, mas com uma ideia avançada para o seu tempo, o autor de Contos Gauchescos, não obteve sucesso em seu projeto de formar novos leitores.

O lançamento das 'novas' obras do Capitão tem o apoio do Ministério da Cultura e da Prefeitura de Pelotas, com patrocínio do Banco do Estado do Rio Grande do Sul. O kit com os dois livros (Terra Gaúcha 275 pág. e Artinha de Leitura 200 pág.) estará disponível a partir desta sexta-feira, para pesquisadores e admiradores do saudoso autor pelotense, pelo valor de R$ 69,90 reais.


Texto: Cassio Lilge
Imagem: Carlos Edler, Reprodução