Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

14 de junho de 2013

Licenças para obras no Cais Mauá serão entregues segunda-feira

Foto: Ivo Gonçalves/Arquivo PMPA
Projeto prevê espaços de gastronomia, lazer, entretenimento e cultura
Projeto prevê espaços de gastronomia, lazer, entretenimento e cultura
A revitalização do Cais Mauá começará pelo restauro dos armazéns tombados pelo patrimônio histórico municipal. Na segunda-feira, 17, às 14h30, o prefeito José Fortunati e o governador Tarso Genro farão a entrega das licenças para as obras à empresa Porto Cais Mauá do Brasil SA, responsável pelo empreendimento. O ato será realizado no Pórtico Central do Cais Mauá (av. Mauá, 1050).

A autorização emitida pelos órgãos técnicos da prefeitura permite o início imediato das obras de restauração dos nove armazéns tombados pelo patrimônio histórico municipal, que devem durar nove meses. O pórtico e os armazéns A e B estão em fase final de aprovação pelo patrimônio histórico federal, que responde pelo tombamento das estruturas.

A Porto Cais Mauá entregou o projeto de restauro à prefeitura em abril. Conforme o prefeito, a equipe técnica do município dialogou permanentemente com a empresa para vencer os ajustes necessários a fim de começar efetivamente as obras. “Respeitando a complexidade e as exigências legais que envolvem o empreendimento, trabalhamos com a máxima celeridade na tramitação para devolvermos à população o contato com o Guaíba em um espaço altamente qualificado, que contribuirá para o desenvolvimento do Centro Histórico”, enfatiza Fortunati.

O restauro dos armazéns ocorrerá enquanto a empresa conclui os estudos de impacto ambiental e de tráfego para as novas construções previstas no projeto de revitalização do Cais Mauá. O secretário de Desenvolvimento e Assuntos Especiais (Gades), Edemar Tutikian, que coordena os trabalhos em âmbito municipal, esclarece que os estudos são necessários para que a prefeitura dê prosseguimento ao Estudo de Viabilidade Urbanística (EVU), que determinará diretrizes para a conclusão dos projetos executivos.

O projeto - Compreende trecho de aproximadamente 2,5 quilômetros, da Estação Rodoviária à Usina do Gasômetro. Prevê a recuperação dos armazéns destinados a gastronomia, lazer, entretenimento e cultura,  bares, restaurantes, lojas e estabelecimentos culturais, a construção de três prédios comerciais e um shopping center.


/cais_maua
Texto de: Carolina Seeger
Edição de: Manuel Petrik
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.