Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

25 de novembro de 2013

Prêmio Açorianos: Breu Rendado


Breu rendado de Deisi Beier é finalista do Prêmio Açorianos de Literatura 2013 na categoria Poesia.

Breu rendado de Deise Beier concorre na categoria Poesia, juntamente com: Em Defesa de Certa Desordem de Celso Gutfreind e Aqui Jasmim de Caroline Milman.

'O leitor está prestes a mergulhar entre as capas do terceiro livro de poemas de Deisi Beier intitulado 'Breu rendado'. Deisi sugere com essa metáfora sua apetência por uma linguagem aparentemente mais fechada ou rente a uma obscuridade virtuosa, espécie de corolário da razão poética. A poeta convida o leitor a se situar, portanto, no centro de uma tensão entre o fechado e o aberto. 'Breu rendado' supõe uma subjetividade conquistada e estruturada sobre escolhas expressivas. (...)'
- Ronald Augusto.

Deise Beier iniciou sua trajetória literária com Tramas de Orvalho (2007), poesia, obra finalista indicada para o prêmio Livro do Ano de 2009, concedido pela Associação Gaúcha de Escritores (AGES). Lançou em 2010 seu segundo livro de poemas Córrego de amarras.