Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

4 de novembro de 2013

Grêmio Ferrinho reivindica tombamento de sua sede

Foto: Leonardo Contursi
Almeida lembrou história do grêmio dos ferroviários



O espaço destinado à Tribuna Popular, na sessão ordinária desta segunda-feira (4/11), foi o ocupado pelo Grêmio Esportivo Ferrinho, na figura de seu presidente, Pedro de Almeida, que relatou uma série de atividades desenvolvidas ao longo dos 50 anos da entidade e reivindicou o tombamento da sede.

Com foco nas áreas sociais e esportivas, a entidade carece de recursos para continuar com as atividades. Almeida reclama que o prédio ocupado pelo Ferrinho precisa ter seu valor cultural reconhecido para garantir a continuidade dos trabalhos lá desenvolvidos. “Eu estou, aqui, pedindo o tombamento do prédio para que possamos continuar com nossas ações sociais, esportivas e culturais”, afirmou, pregando que aquela área seja priorizada como patrimônio público.

O orador explica que o Ferrinho, inaugurado em 1963, representa a memória da comunidade do Humaitá e de Porto Alegre. Oriundo dos ferroviários, o Centro Cultural recebeu apoio dos vereadores para que continue servindo de local para a realização de reuniões diversas, como as de entidades comunitárias, clubes de mães e associações de bairro.

Texto: Gustavo Ferenci (reg. prof. 14.303)
Edição: Helio Panzenhagen (reg. prof. 7154)