Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

20 de setembro de 2013

Desfile Farroupilha reuniu milhares de pessoas nesta sexta-feira

Foto: Ricardo Stricher/PMPA
Prefeito José Fortunati destacou a importância de preservar as tradições Prefeito José Fortunati destacou a importância de preservar as tradições
Foto: Ricardo Stricher/PMPA
Com duração de 4 horas, desfile teve a participação de 5 mil pessoas Com duração de 4 horas, desfile teve a participação de 5 mil pessoas
O céu nublado e a previsão de chuva poderiam ter espantado o público do Desfile Cívico e Tradicionalista deste 20 de setembro. Mas gaúcho que se preza preserva as tradições até debaixo de água. O evento desta sexta-feira reuniu cerca de 15 mil pessoas na avenida Edvaldo Pereira Paiva (Beira Rio), segundo estimativa da comissão organizadora. (fotos)
 
O prefeito José Fortunati acompanhou o desfile ao lado do vice-governador do Estado, Beto Grill, e destacou a importância de preservar as tradições. “Hoje nós vivemos um processo de globalização, o mundo ficou menor e estamos em constante contato com outras culturas. Mas temos que aproveitar isso sem esquecer nossos hábitos, nossas raízes, nossos costumes. Não podemos perder nossas referências”, disse Fortunati, que falou também sobre o orgulho de ser gaúcho. “É uma demonstração do quanto nos orgulhamos de ser gaúchos e brasileiros. Nós queremos celebrar isso a cada momento. E desse orgulho, dessa tradição que vem a nossa força para continuarmos trabalhando por uma cidade, por um estado e por um país cada vez melhores”, completou o chefe do executivo.
 
Cerca de 5 mil pessoas participaram do Desfile Cívico e Tradicionalista, que durou 4 horas e teve início com as forças policiais gaúchas. Brigada Militar, Polícia Rodoviária Estadual, Bombeiros, Polícia Civil, Susepe e Instituto Geral de Perícias foram os primeiros a percorrer a avenida, depois da execução da banda da Brigada Militar. Na sequencia, desfilaram as equipes do Orçamento Participativo. Quando a chuva começou, os integrantes de 180 entidades tradicionalistas, todos vestidos a rigor, empolgaram e emocionaram o público. Cenários montados em cima de caminhões representavam os temas culturais que os piquetes apresentaram durante o Acampamento Farroupilha. Os “carros alegóricos” reproduziram desde lendas gaúchas até um churrasco sendo assado e uma roda de chimarrão.
 
Realizado há dez anos, o evento têm com objetivo divulgar e valorizar a cultura gaúcha e estimular a participação das pessoas nos CTGs, piquetes e departamentos. 
 
Premiação – As cinco entidades que melhor representarem as tradições no desfile serão premiadas com a entrega de troféus, no dia 23 de outubro, no Centro de Eventos do Parque Maurício Sirotsky Sobrinho (Harmonia).
 
Chama Crioula – Também neste dia 20 de setembro, será extinta a chama crioula. O ato ocorre às 17h45, no Acampamento Farroupilha, no Parque Maurício Sirotski Sobrinho (Harmonia). Os cavalarianos da 1ª RS apagam a chama no local e depois seguem para as demais chamas acesas na cidade: Monumento Maçônico (Ipiranga esquina João Pessoa), Monumento Bento Gonçalves (em frente ao Julinho), QG da Brigada Militar, Paço Municipal, Assembleia Legislativa e Palácio Piratini.
 
Acampamento Farroupilha – O Acampamento teve início em 7 de setembro. Segundo estimativas da Brigada Militar, devem passar pelo Parque Harmonia, até domingo, mais de 600 mil pessoas. A edição deste ano conta com 384 piquetes (entre patrocinadores, CTGs e particulares). O tema deste ano foi “O Rio Grande do Sul no imaginário social".


/acampamento_farroupilha
Texto de: Melina Fernandes
Edição de: Vanessa Oppelt Conte
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.