Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

25 de setembro de 2013

Governador reúne-se com os novos integrantes do Conselho Estadual de Cultura



A nova diretoria do Conselho Estadual da Cultura reuniu-se, nesta quarta-feira (25), com o governador Tarso Genro no Palácio Piratini. O colegiado formado por 24 integrantes, indicados pelo Governo do Estado e representantes da sociedade civil (dois terços), assumiu no final de julho.

“Para o nosso programa de governo, a cultura não foi apenas uma questão aditiva, mas um elemento do programa, pois sabíamos que, além de termos uma gestão integrada com produtores culturais, tínhamos de desenhar a cultura como política de Estado”, ressaltou o governador Tarso Genro.


Governador Tarso Genro apresentou o desenvolvimento do estado e
a participação da cultura no processo.
Foto: Caco Argemi / Palácio Piratini
O secretário de Cultura, Luiz Assis Brasil, lembrou que nos últimos três anos, o orçamento da pasta teve um acréscimo de 516%. “Atingimos em setembro a captação de R$ 26 milhões destinados a Lei de Incentivo de Cultura (LIC), de um total de R$ 35 milhões previstos”, afirmou o secretário. Uma das funções do Conselho é avaliar os projetos habilitados a captar patrocínio com o uso da LIC.



Secretário Assis Brasil anunciou a nova sede do CEC
O secretário Assis Brasil anunciou, também, uma definição sobre a nova sede do Conselho Estadual de Cultura, que será na rua Dr Flores, em um prédio que pertence ao Instituto de Previdência do Estado (Ipergs).
“O conselho hoje se apresenta como uma referência da relação entre a sociedade civil e o Governo do Estado, em função da aprovação, recentemente, do Sistema Estadual da Cultura. O nosso comprometimento com essa relação se amplia”, afirmou o presidente do conselho Neidmar Charão Alves.
Texto: Anna Magagnin