Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

20 de agosto de 2015

Cultura é a prioridade do OP escolhida pela região Noroeste

Foto: Ricardo Giusti/PMPA
Foram escolhidas cultura, saneamento básico, saúde e esporte e lazer
Foram escolhidas cultura, saneamento básico, saúde e esporte e lazer
Foto: Ricardo Giusti/PMPA
Cerca de R$ 3,9 milhões serão investidos no próximo ano  
 Cerca de R$ 3,9 milhões serão investidos no próximo ano
A comunidade da região Noroeste do Orçamento Participativo escolheu, na noite desSa quarta-feira, 20, as prioridades para o próximo ano.
 Os 326 inscritos indicaram Cultura, Saneamento Básico, Saúde e Esporte e Lazer como as áreas de maior interesse, durante a plenária no salão social do Esporte Clube São José, no bairro Passo D'areia. (Fotos)

A região Noroeste, nos 26 anos do OP, definiu 231 demandas, sendo que 183 já foram concluídas e 48 estão em fase de execução. Desde 2013, foram concluídas 21 demandas, segundo balanço apresentado pelo secretário de Governança adjunto, Carlos Siegle de Souza. Para o próximo ano serão investidos na região R$ 3.870.000,00 em obras previstas.

Durante a plenária, o prefeito José Fortunati, o vice Sebastião Melo e secretários municipais ouviram reivindicações dos moradores e lideranças comunitárias sobre saúde, saneamento e habitação. Ao ser questionado sobre alagamentos na região, o prefeito reiterou a manifestação de um morador que pediu conscientização dos vizinhos sobre o descarte responsável do lixo. Fortunati lembrou que o Departamento de Esgotos Pluviais (DEP) realiza seu trabalho, mas é importante que a comunidade colabore, não só fazendo o descarte responsável, como colaborando com a reciclagem. “Porto Alegre recolhe 2,2 toneladas de lixo por dia, mas apenas 110 toneladas são de lixo sólido. A partir de 12 de setembro, a coleta seletiva vai passar em todas as ruas da cidade. Não há mais desculpa para essa diferença ser tão grande”, observou.

O prefeito também respondeu questionamento sobre a creche, e adiantou que uma nova instituição será aberta. A Escola de Ensino Infantil Jari irá abrigar 120 crianças em turno integral. O prédio está localizado na rua Andaraí.

A planária também elegeu seus novos conselheiros. Em chapa única, foram indicados Ervino Pichtil e Nair Tirloni, como titulares, e Maria Madalena W. do Nascimento e Margarete Lubatchuski Moreira, como suplentes.

A próxima assembleia ocorre nesta quinta-feira-feira, 20, na região Partenon. As rodadas de plenárias regionais iniciaram no dia 5 de agosto e seguem até o próximo dia 29. Já foram realizadas reuniões nas regiões Centro, Cruzeiro, Centro-Sul, Norte, Cristal, Sul, Nordeste, Leste e Ilhas.

Maior participação – Em 2014, quando o OP completou 25 anos de implantação, as Assembleias Regionais e Temáticas registraram recorde histórico de participação. As seis reuniões temáticas e as 17 regionais contabilizaram 17.582 credenciamentos. Nas 17 regiões, a prioridade que mais apareceu na primeira colocação foi habitação. Mas a novidade foi em relação à cultura. Dez das 17 regiões pontuaram cultura entre as quatro prioridades.
Acompanhe o Orçamento Participativo:

- Calendário completo da rodada de assembleias regionais e temáticas do Orçamento Participativo 2015/2016.

- Twitter OP Porto Alegre: @oppoa (ao vivo)

- Facebook: Orçamento Participativo de Porto Alegre

- Transmissão ao vivo disponível aqui

Leia também:

- Região das lhas escolhe pavimentação como prioridade do OP

- Cultura é a prioridade do OP escolhida pela região Leste

- Região Sul do OP escolhe Habitação como prioridade

- Região Cristal elege Habitação como prioridade no OP

- Assembleias do OP são transmitidas ao vivo pela Internet

- Drenagem e dragagem são prioridades para região Norte

- Região Centro-Sul elege habitação como prioridade no OP 2015/2016

- Cruzeiro define suas prioridades no Orçamento Participativo

- OP: região Centro abre assembléias regionais com público recorde

- Pesquisa identificará o perfil dos participantes do OP

- OP: temáticas terminam com votação da Saúde e Assistência Social

- OP: temática da Cultura e Juventude bate recorde histórico

- OP: demandas serão classificadas pelas qualidades da resiliência



/cultura /orcamento_participativo
Texto de: Caren Mello
Edição de: Jandira Davila Feijó
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.