Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

16 de agosto de 2015

Jogos Farroupilha: conheça regras e curiosidades da Bocha Campeira


Bocha campeira é disputada na grama
Foto: MTG, Divulgação


Encontre uma área plana com grama, delimite com uma fita um espaço de 36 metros de comprimento por 10 metros de largura, marque as distâncias de 12 e 24 metros, e você terá a cancha da Bocha Campeira.

Para seguir a tradição, o jogo exige que os atletas estejam pilchados, mas o uso de chapéu é opcional, explica o vice-presidente de Esportes Campeiros do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), Martim Guterres Damasco.

“A Bocha Campeira era jogada nas fazendas, nos campos abertos. Antigamente as bochas eram de madeira, hoje são feitas de material sintético”, comenta Damasco ao G1.

O jogo é diferente da bocha comum, disputada em piso batido com terra, em espaço estreito e vertical. Também é duelado entre equipes, porém é formado apenas por dois trios. Cada atleta recebe duas bochas de aproximadamente 1.150 gramas e marca o ponto quem arremessar a bocha e ela chegar mais perto do balim (bola pequena).

A partida começa com o arremesso do balim, que deve ficar entre as marcações de 12 e 24 metros, e termina quando uma das equipes conquista 12 pontos.

Cada bocha vale um ponto e o jogo é feito com a alternância de equipes. Por exemplo: um atleta arremessa a bocha e ela fica bem próxima do balim. Então, a equipe adversária terá seis chances de chegar mais perto do balim e marcar o ponto. Um alerta: se o balim ultrapassar os 24 metros durante o jogo, os atletas começam a arremessar a bocha a partir dos 12 metros.


Fonte: Portal G1 - Jogos Farroupilha/Rio Grande do Sul