Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

5 de agosto de 2015

Theatro São Pedro reúne 311 bailarinos de escolas municipais

Foto: Joel Vargas/PMPA
Tema deste ano foi Superação – Vida, um espetáculo sem limites
Tema deste ano foi Superação – Vida, um espetáculo sem limites
Foto: Joel Vargas/PMPA
Prefeito defendeu uma educação pública que transforma a vida dos alunos
Prefeito defendeu uma educação pública que transforma a vida dos alunos
Os 311 bailarinos do VI Escola Aberta em Dança apresentaram-se para uma plateia lotada, com cerca de 650 pessoas, na noite dessa terça-feira, 4, no Theatro São Pedro. Promovido pela Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre (Smed), o espetáculo contou com a participação de alunos de 12 escolas municipais. (FOTOS)
 
Os protagonistas foram estudantes que frequentam as oficinas de dança do Programa Escola Aberta, da Smed, realizado aos sábados nas escolas municipais. O tema de 2015 foi Superação – Vida, um espetáculo sem limites.
Na plateia, estavam o prefeito José Fortunati, a primeira-dama e deputada estadual, Regina Becker, a secretária municipal de Educação, professora Cleci Maria Jurach, e o secretário da Juventude, Diego Buralde. 
 
O chefe do Executivo destacou a importância das atividades do programa Escola Aberta para a educação e formação dos cidadãos. "Educação pública de qualidade é aquela que transforma a vida dos nossos filhos. O trabalho em sala de aula é fundamental e temos um quadro de altíssima qualidade e ensino de referência aqui em Porto Alegre. Mas precisamos ir além, envolvendo crianças e jovens com a comunidade e a comunidade com as escolas. O resultado está aqui no palco. O que vemos é uma pequena demonstração da capacidade, do potencial, do talento dos nossos alunos", afirmou Fortunati.
 
Para a secretária, o Escola Aberta em Dança vem mostrando seu potencial ano após ano, provando o quanto é possível fazer nas escolas públicas municipais. "Essa é uma excelente demonstração da capacidade dos nossos alunos. Ficou o gostinho de 'quero mais' para o próximo ano. Estamos muito felizes com o empenho de todos para a realização de mais essa edição”, enfatizou Cleci. 
 
A novidade de 2015 foi a participação dos cinco novos núcleos da Escola Preparatória de Dança (Emeb Dr. Liberato Salzano Vieira da Cunha, Emef Dolores Alcaraz Caldas, Emef Pepita de Leão, Emef Loureiro da Silva e Emef Deputado Victor Issler). Os 650 ingressos – capacidade máxima do São Pedro – esgotaram-se com antecedência e tiveram sua distribuição gratuita nas comunidades das escolas integrantes das oficinas. 
 
Espetáculo - Divididas em quatro atos, as apresentações transitaram por diferentes estilos musicais, entres eles ballet clássico, danças urbanas, jazz, samba, axé, salsa, hip hop, sapateado, danças contemporâneas e folclore gaúcho. Participaram também, como convidados especiais, o Ballet Elizabeth Santos, Companhia Municipal de Dança de Porto Alegre, Centro Social Marista, Grupo Restinga Crew, Companhia de Dança Stravance Street Dance e Projeto Andança. 
 
O primeiro ato ficou a cargo da dançarina Manoela Santos - Ballet Dom Quixote -, da Escola Estadual Cônego Paulo de Nadal, do Projeto Andança e da Companhia Municipal de Dança de Porto Alegre, sob a direção de Airton Tomazzoni e Débora Leal. O segundo ato incluiu integrantes das Emefs José Loureiro da Silva, Marcírio Goulart Loureiro, Dolores Alcaraz Caldas, Victor Issler, Chico Mendes e da Emeb Dr. Liberato Salzano Vieira da Cunha. 
 
O terceiro ato (show de intervalo) teve a apresentação do Centro Social Marista - Grupo Movimento Cênico, Cada Um Com Sua Diferença, das companhias Restingacrew e Dança Stravagance Street Dance - Street Styles. O quarto ato trouxe a Escola de Preparação de Dança da Emef Pepita de Leão - Calmaria; Emef José Loureiro - Tribo; Emef São Pedro - Mil e uma Noites; Emef João Antônio Satte - Juntos Somos Mais e Unidos Somos Melhores; Emef Dolores Alcaraz Caldas - Esperança Urbana; Emef Presidente Vargas – Guetto. A Emef Governador Ildo Meneghetti apresentou A Casa das Sete Mulheres e fez um encerramento com homenagens à professora Gislaine Câmara Sfair e ao Nico Fagundes, ambos falecidos neste ano. 
 
Vitória Ferreira, 11 anos, aluna da 5ª série, que frequenta a Escola Preparatória de Dança da Emef Dolores Alcaraz Caldas, faz aulas de ballet, street dance, jazz, dança contemporânea e também participa do projeto Atelier Coreográfico, no qual aprende a criar coreografias em grupo. “Estou nervosa, porque nunca tinha dançado para tantas pessoas”, declarou a menina. 
 
Participando pela quarta vez, Andriely Diprat, 13 anos, aluna da sétima série da Emef São Pedro, observa que a dança relaxa, mas confessa sentir frio na barriga antes de subir ao palco. "Danço aqui pensando em ser professora de dança no futuro", contou.
 
Para Thales Machado, 15 anos, da Escola Preparatória de Dança José Loureiro da Silva, dançar no Theatro São Pedro foi a realização de um sonho. "É uma experiência que todo bailarino quer por ser o melhor teatro da cidade", revelou.
 
O professor Fernando Campani, que esteve presente em todas as edições, ressaltou que a dança tem um grande poder transformador. "Ela constrói pessoas que respeitam, que são mais humanas, que dão valor à vida e que tornam o mundo um lugar melhor. É muito gratificante termos um projeto lindo como o esse, levando a dança até as comunidades para transformar a vida desses jovens", disse.
 
Escola Aberta – O Programa Escola Aberta reforça a política de educação em tempo integral da Smed, permitindo que estudantes e membros da comunidade participem, nos finais de semana, das atividades promovidas por 30 das escolas da rede municipal de ensino.
Escolas participantes
 
Escola Municipal de Educação Básica (Emeb) Dr. Liberato Salzano Viera da Cunha
Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef) José Loureiro da Silva
Emef Deputado Marcírio Goulart Loureiro
Emef Dolores Alcaraz Caldas
Emef Victor Issler
Emef Chico Mendes
Emef Pepita de Leão
Emef São Pedro
Emef João Antônio Satte
Emef Presidente Vargas
Emef Governador Ildo Meneghetti
Emef Senador Pasqualini
 
 
 


/danca
Texto de: Andrea Pinto, Melina Fernandes e Bruno Teixeira (estagiário)
Edição de: Andrea Brasil
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.