Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

23 de outubro de 2013

Centro de Umbanda Mãe Maria terá nova área

O Centro de Umbanda e Culto Africano Mãe Maria de Oxum, mais conhecido como Mãe Maria, não vai precisar sair do seu local de origem em virtude da duplicação da avenida Tronco. Desde 2010, a prefeitura busca uma solução para este impasse. Em visita ao local, o secretário municipal de Direitos Humanos, Luciano Marcantônio, juntamente com a ministra dos Direitos Humanos, Maria do Rosário, a secretária adjunta do Povo Negro, Elisete Moretto, e o diretor adjunto do Departamento Municipal de Habitação (Demhab), Marcos Botelho, anunciaram para a comunidade que o município, respeitando a diversidade religiosa de Porto Alegre e também as questões culturais, tomou as seguintes decisões: a Mãe Maria continua na região, recebendo uma indenização, bônus moradia e uma área de 400m²  na rua Carlos Barbosa, próximo ao seu lugar de origem.

Mãe Maria e a comunidade se mostraram satisfeitas, uma vez que suas raízes, tradições e territorialidade foram respeitadas. O secretário de Direitos Humanos ainda frisou que o caso da Mãe Maria é emblemático e serve de exemplo para todo o país, pois a prefeitura, com diálogo e respeito, está definindo, em conjunto com a comunidade, a remoção das terreiras em torno das obras da Vila Tronco.

A ministra Maria do Rosário disse que irá levar esta atitude do governo local como exemplo e sempre que for necessário irá se basear no exemplo de Porto Alegre. A ministra aproveitou para elogiar a forma como a prefeitura lidou com o caso, citando a transversalidade entre a SMDH e o Demhab. Já a secretária adjunta do Povo Negro, Elisete Moretto, vê nesta atitude uma vitória da luta por uma democracia cultural e territorial no município.



/direitos_humanos
Texto de: Paulo Ricardo Soares de Moraes
Edição de: Álvaro Luiz Oliveira Teixeira
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.