Postagem em destaque

Justiça cassa mandato do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre

A decisão do juiz José Antonio Coitinho, titular da 2ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, em Mandado de Segurança impetrado p...

3 de setembro de 2015

Galpão Crioulo inicia oficinas da cultura gaúcha dia 11

02/09/2015 15:48:24

Foto: Divulgação/PMPA
Noite Gaúcha terá oficinas de churrasco, chimarrão e danças tradicionais

Noite Gaúcha terá oficinas de churrasco, chimarrão e danças tradicionais

Foto: Divulgação/PMPA
Adesão ao Porto Alegre Turismo foi assinada na noite de terça-feira

Adesão ao Porto Alegre Turismo foi assinada na noite de terça-feira

Tradicional churrascaria de Porto Alegre, o Galpão Crioulo é o mais novo parceiro do programa Porto Alegre Turismo Criativo. Já a partir do dia 11 deste mês, a casa passa a realizar a Noite Gaúcha, com oficinas de churrasco, chimarrão e danças tradicionais do Rio Grande do Sul para visitantes que queiram uma maior aproximação com a tradição e os costumes locais. O novo atrativo será oferecido todas as segundas sextas-feiras de cada mês, às 19h30, com agendamento prévio, para qualquer número de participantes. Em outras datas, as oficinas serão realizadas para grupos de, no mínimo 20 pessoas, também com agendamento.

A adesão ao programa foi assinada na noite desta terça-feira, 2, pelo secretário municipal de Turismo, Luiz Fernando Moraes, e um dos proprietários do empreendimento Airton João Marchese, em evento que teve a participação de agentes de viagem, operadores de turismo e organizadores de eventos convidados para uma apresentação piloto do novo atrativo da casa. "A cultura gaúcha é nosso principal produto há 30 anos, e o que buscamos com os profissionais do turismo e a própria secretaria municipal é agregar conhecimento sobre o mercado para acertar o ponto certo do nosso novo produto", comentou Marchese.

Lançado em 2013 pela Secretaria Municipal de Turismo de forma pioneira no país, o programa Porto Alegre Turismo Criativo ganhou força no Acampamento Farroupilha a partir daquele mesmo ano com o projeto Turismo de Galpão que realiza oficinas das tradições do RS para visitantes do evento.  "Percebemos o apelo que a cultura gaúcha exerce junto a turistas de todo o mundo, e esta parceria cria para o mercado de viagens um produto que agrega à gastronomia tradicional do empreendimento outros aspectos de nossa riqueza cultural", avaliou Moraes, considerando que a Noite Gaúcha inaugura um novo momento do Turismo Criativo na Capital que seguirá incorporando novos produtos.

Churrasco –
Para saborear um churrasco de qualidade não basta colocar a carne sobre o braseiro. A mensagem foi passada pelo chefe da área de carnes do Galpão Crioulo, Luiz Gonçalves, na demonstração da oficina de churrasco que a casa passa a oferecer no programa Noite Gaúcha. Com uma experiência de mais de 35 anos no ofício, seu Luiz, que assume agora a função de instrutor, apresenta aos visitantes, com muitos detalhes, 21 tipos de carne, diferentes tipos de corte, o modo certo de espetar, salgar e assar em churrasqueira. Nos cerca de 25 minutos de duração da oficina, não ficam de fora segredos de temperos além do sal grosso para algumas carnes, como a suína e o frango, e tampouco recomendações sobre segurança alimentar.

Chimarrão e Dança - Responsável pelo marketing da churrascaria, Elisiane Silva agora passa a ensinar o que aprendeu há 19 anos: como montar um perfeito chimarrão. Na oficina o visitante conhece a planta da erva-mate, o "porongo" que depois é transformado em cuia, os tipos de erva para diferentes paladares e aprende, na prática, duas formas de montar um chimarrão: a tradicional, que oferece menos chance de erro, e o curioso modelo formigueiro, maneira que os índios encontraram de manter a temperatura da erva elevada por mais tempo. Segredos para não "entupir o mate" não ficam de fora e, ao final da oficina, cada participante leva para casa um certificado de "mateador".

A oficina de danças gaúchas fica por conta dos bailarinos do grupo Raízes de Sul-América, tradicional da casa nos shows estilizados do folclore gaúcho. Na Noite Gaúcha, o visitante aprende os passos de danças tipicamente folclóricas: a do "pezinho", de origem portuguesa, e a do "bugio", original do Estado. A atividade se encerra com uma demonstração da desafiadora dança da Chula.

Aceitação – A linguagem dos instrutores das oficinas, seu nível de conhecimento, a carga de informação, a didática das oficinas e o ambiente de hospitalidade foram positivamente avaliados pelos profissionais de agências e operadoras que acompanharam as demonstrações.

Satisfeita com o que viu, a FRT Operadora já planeja incluir o mais novo produto do Turismo Criativo da Capital no roteiro de quatro grupos de turistas que organiza trazer de Natal, no Rio Grande do Norte, para o Estado, em dezembro. "A cultura gaúcha é um atrativo para quem vem de outras localidades, e esta proposta de oficinas é um formato importante que permite programar a permanência do turista ao menos uma noite na cidade antes de seguir para outros destinos", avalia o gerente da unidade da empresa em Porto Alegre, Rogério Xavier. Ele aposta também no fluxo de pessoas que viajam do interior do Estado e de parte de Santa Catarina para Porto Alegre com a finalidade de embarcar em voos internacionais. "Agora é formatar o produto, capacitar agências de viagem e oferecer ao mercado."

Gerente da operadora Visual Turismo, empresa com 11 unidades no país, Mauro Bernardes se surpreendeu com as oficinas. "Se eu, que sou gaúcho, aprendi muita coisa, imagina quem vem de fora", avaliou, destacando o potencial atrativo da Noite Gaúcha e do ambiente de acolhimento em que acontecem.

Opções - Os contatos para agendamento das oficinas estarão disponíveis no site  www.portoalegrecriativa.info. O visitante ou a agência de viagem pode optar pelo "combo completo" (churrasco, chimarrão e danças), ou por apenas uma ou duas das oficinas da Noite Gaúcha. É possível também combinar a oficina de preferência com o tradicional churrasco da casa e com o show que acontece sempre à noite. "São várias opções, nosso objetivo é atrair e bem receber os visitantes", diz Marchese, esclarecendo que o preço irá variar de acordo com cada composição.

O Porto Alegre Turismo Criativo conta hoje com 16 parceiros de diferentes áreas como artes plásticas e visuais, artesanato, música, danças, gastronomia regional, tecnologia social, entre outras, abertas a turistas que buscam a vivência direta com a cultura de cada lugar.

/turismo

Texto de: Eliana Zarpelon
Edição de: Gilmar Martins
Autorizada a reprodução dos textos, desde que a fonte seja citada.

Guimarães Presidente  Conselho Municipal de Cultura
Em mandato prorrogado
F: 3338.8738 / 9987.5880
Twitter Guimarães:http://twitter.com/notas_guimaraes
https://www.facebook.com/Paulorobertoguimaraes
Blog Conselho POA:http://cmcpoa.blogspot.com